MAIS COR NA CASA DE PRAIA: CLIMA TROPICAL

 PORTÃO DA CASA DE PRAIA DESGASTADO

PORTÃO DA CASA DE PRAIA DESGASTADO

O horário de verão chegou e muita gente já está sonhando com alguns belos dias de descanso na praia. Quem tem casa no litoral precisa cuidar bem do patrimônio e sabe que prevenir é sempre mais fácil e mais barato do que remediar. Então, que tal fazer aquela manutenção de rotina, deixar tudo em ordem e aproveitar para dar uma repaginada bacana, antes que o calor venha para ficar? Essa é uma ótima oportunidade para lixar e envernizar as madeiras, mudar a cor das paredes e transformar o astral do lugar.

 CECÍLIA E ANTÔNIO CARLOS

CECÍLIA E ANTÔNIO CARLOS

A Cecília e o Antônio Carlos decidiram inovar e pediram a nossa ajuda. Eles já estão casados há bastante tempo, tem dois filhos adultos e gostam de encher a casa de praia com a família e com os amigos. São muito alegres e falantes.

O casal costuma receber seus convidados de forma descontraída, sempre na varanda, onde ficam a churrasqueira e o forno de pizza. Quando fizeram a reforma da casa e colocaram as novas esquadrias de madeira (que são lindas!), eles tiveram medo de ousar e pintaram todas as paredes externas com um tom de verde bem clarinho, quase off-white. Agora eles cansaram da cor e querem algo mais forte em alguma parede, que tenha energia e personalidade.

 PAREDE EXTERNA EM TOM DE VERDE CLARO ACINZENTADO

PAREDE EXTERNA EM TOM DE VERDE CLARO ACINZENTADO

O primeiro passo foi definir onde aplicar a cor intensa. Decidimos que será nas paredes mais vistas por todos e que também são as mais desconectadas fisicamente do volume principal da casa (que permanecerá claro) ou seja, aquelas onde ficam as bancadas da churrasqueira e do forno a lenha.

 ÁREA EXTERNA COM CHURRASQUEIRA E FORNO DE PIZZA

ÁREA EXTERNA COM CHURRASQUEIRA E FORNO DE PIZZA

 MESA E CADEIRAS DE MADEIRA – SIMPLES E ACONCHEGANTE

MESA E CADEIRAS DE MADEIRA – SIMPLES E ACONCHEGANTE

Em seguida, analisamos os elementos existentes que não deverão ser substituídos: o revestimento de tijolinhos; as esquadrias, os armários e os móveis de madeira; a bancada de granito e o piso de cerâmica. Todos neutros e fáceis de combinar. Isso nos deu liberdade para buscar referência no jardim lateral com helicônias de cores vibrantes e na louça da casa, com metade dos pratos verde e metade vermelha.

 AMBIENTE DE ESTAR NA VARANDA

AMBIENTE DE ESTAR NA VARANDA

 JARDIM COM HELICÔNIAS

JARDIM COM HELICÔNIAS

 LOUÇAS E UTENSÍLIOS NAS CORES VERDE E VERMELHO

LOUÇAS E UTENSÍLIOS NAS CORES VERDE E VERMELHO

E foi a partir daí que restringimos o nosso leque de cores: ou verde ou vermelho. Diante das inúmeras opções do catálogo de tintas, selecionamos as mais solares, depois buscamos as menos cansativas e enfim chegamos a duas, com nomes igualmente deliciosos: ‘Capim Cidreira’ e ‘Melancia’.

Em princípio, a Cecília preferiu o ‘Capim Cidreira’. Depois mudou de ideia e escolheu a ‘Melancia’. Nós apoiamos e adoramos a decisão. Afinal, o verde está muito presente no jardim e a casa já tinha antes as paredes verdes, embora fosse um tom bem pálido e acinzentado. Sem falar que o vermelho aberto tem tudo a ver com a personalidade do casal. Finalmente, para harmonizar com a ‘Melancia’ a eleita foi ‘Flocos de Arroz’, que iluminará com suavidade as demais paredes.

 HARMONIA ENTRE AS CORES DAS TINTAS ‘FLOCOS DE ARROZ’ E ‘MELANCIA’

HARMONIA ENTRE AS CORES DAS TINTAS ‘FLOCOS DE ARROZ’ E ‘MELANCIA’

Veja o lindo moodboard que montamos para a área externa, a partir das cores escolhidas:

Moodboard Casa de Praia ACL.png

Agora é partir pra ação e depois conferir o resultado. Certamente esse Reveillon será mais colorido e ainda mais vibrante, prometendo muita energia para os novos dias!

UMA CLÍNICA BONITA E FUNCIONAL

Para cuidar da nossa saúde, o ideal é consultar um médico especialista e, claro, de confiança.  Por outro lado, quando o assunto é projetar, reformar ou decorar as instalações de uma clínica médica, o indicado é contratar um arquiteto de interiores. A recomendação vale também para pequenos consultórios, onde o desafio pode ser ainda maior. Esse é o primeiro e grande cuidado a ser tomado quando você decidir investir em um novo consultório.

Com experiência e criatividade, o arquiteto transformará o seu local de trabalho em um ambiente bonito e funcional. Você, sua equipe e seus pacientes serão afetados positivamente com a iluminação adequada, com o mobiliário escolhido ou projetado para as suas rotinas específicas, com cores e materiais que traduzam a essência da sua filosofia de trabalho, com a mobilidade e praticidade de um bom posicionamento de salas, bancadas, armários e móveis e, ainda, com a escolha cuidadosa de complementos decorativos, como vasos, quadros e enfeites. Ufa! São muitos itens e só mesmo um especialista pra dar conta desse recado.

Pra você ter uma ideia de como isso tudo acontece, vamos ilustrar aqui com um exemplo real: uma clínica de dermatologia que entregamos há pouco tempo. Mostraremos diversos cuidados importantes que nortearam as decisões de projeto. Nesse caso, 4 conjuntos comerciais contíguos foram integrados para comportar o programa do cliente: uma grande recepção com sala de espera para 20 lugares, 2 consultórios com área de atendimento e exame, 1 sala para tratamentos estéticos, 1 sala para fototerapia, 1 sala para o departamento administrativo, 1 almoxarifado, 1 copa e 4 sanitários.

 RECEPÇÃO COM O BALCÃO ESPECIALMENTE DESENHADO PELOS ARQUITETOS

RECEPÇÃO COM O BALCÃO ESPECIALMENTE DESENHADO PELOS ARQUITETOS

 CONJUNTOS 3 E 4 CONFORME ENTREGUES PELA CONSTRUTORA

CONJUNTOS 3 E 4 CONFORME ENTREGUES PELA CONSTRUTORA

Esse quebra-cabeça de muitas peças incluiu também pequenos detalhes, que fizeram uma grande diferença no resultado final, aprimorando pontos cruciais e contribuindo para melhorar a experiência de todos os usuários, sejam pacientes, acompanhantes, médicos, funcionários ou fornecedores.

Então, vamos lá! Começaremos com a planta baixa. Veja como os conjuntos foram recebidos da construtora e como ficou o layout da clínica.

 PLANTA BAIXA DOS CONJUNTOS

PLANTA BAIXA DOS CONJUNTOS

 LAYOUT COMPLETO DA CLÍNICA

LAYOUT COMPLETO DA CLÍNICA

Feita a apresentação do espaço, vamos direto ao nosso assunto. Tivemos cuidado especial com 5 itens.

CUIDADO 1: SETORIZAÇÃO E TRÁFEGO – Para organizar o espaço e facilitar a circulação de pessoas, definimos o posicionamento das salas e as áreas de circulação de acordo com o uso e a partir das descrições de rotinas que a equipe preparou para nós.  Na área central ficaram a recepção, a sala de espera e os sanitários masculino e feminino. À esquerda, na planta, ficaram os dois consultórios e à direita as salas de tratamento, a administração e a copa.

 PORTA DE CORRER DO CONSULTÓRIO COM SINALIZAÇÃO

PORTA DE CORRER DO CONSULTÓRIO COM SINALIZAÇÃO

 SALA DE ESPERA COM BALCÃO E APARADOR DESENHADOS PELOS ARQUITETOS

SALA DE ESPERA COM BALCÃO E APARADOR DESENHADOS PELOS ARQUITETOS

CUIDADO 2: ACÚSTICA E PRIVACIDADE - Para dividir as salas e promover um ótimo isolamento acústico entre elas, utilizamos drywall com recheio de lã de rocha. Também instalamos som ambiente na recepção. A música ajuda a relaxar e aumenta a privacidade dos consultórios.

CUIDADO 3: HIGIENE E LIMPEZA – Todos os ambientes são intensamente utilizados ao longo do dia. Pensando nisso, e para facilitar a limpeza e assegurar a higiene, revestimos as paredes da recepção e dos sanitários com porcelanato, por serem esses os locais de maior desgaste. Essa medida de proteção também eliminou a necessidade de pintura anual dessas paredes. Nos consultórios, o uso de papel vinílico, além de facilitar a limpeza, auxiliou na absorção do som. O piso de toda a clínica recebeu porcelanato retificado polido de grande formato, com rejunte mínimo e muito prático de manter. Pensando também na durabilidade, escolhemos tecidos resistentes e laváveis para os estofados.

 APARADOR COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO NA PAREDE

APARADOR COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO NA PAREDE

 SANITÁRIO DE PACIENTES, COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO EM TODA A PAREDE

SANITÁRIO DE PACIENTES, COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO EM TODA A PAREDE

CUIDADO 4: ILUMINAÇÃO, ELÉTRICA E REDE – Cada ambiente recebeu um tipo de iluminação, de acordo com as necessidades inerentes ao uso do local. As salas de exame e tratamento precisavam ser bastante claras e ganharam luminárias que permitem o trabalho minucioso dos médicos, não alteram as cores e não incomodam os pacientes. Todos os pontos elétricos para os equipamentos (que não eram poucos!) foram previstos em projeto, assim como a rede de comunicação entre os computadores, internet, tv, ar condicionado, etc. Dois elementos contribuíram para a agilidade das instalações: o primeiro foi a existência de rebaixo para a colocação de piso elevado, o que permitiu a passagem dos inúmeros conduítes sobre o contrapiso e sem a necessidade de quebra-quebra; o segundo foi a colocação de forros de gesso, que esconderam os fios, cabos e tubulações aéreos.

 SALA DE PROCEDIMENTOS DO CONSULTÓRIO PRINCIPAL

SALA DE PROCEDIMENTOS DO CONSULTÓRIO PRINCIPAL

CUIDADO 5: ERGONOMIA E MOBILIDADE – As larguras dos corredores, das passagens e das portas foram projetadas para permitir o acesso de cadeirantes. Para a sala de espera optamos por poltronas individuais firmes e com braços, para facilitar o movimento de pessoas idosas ou com dificuldade de mobilidade durante o ato de sentar e levantar.

 SALA DE ESPERA COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO NAS PAREDES, REVISTEIRO E CORREDOR COM PAINEL DE MADEIRA

SALA DE ESPERA COM REVESTIMENTO EM PORCELANATO NAS PAREDES, REVISTEIRO E CORREDOR COM PAINEL DE MADEIRA

Esses são alguns cuidados importantes na concepção do projeto de uma clínica ou consultório. São um bom começo, mas cada caso merece e justifica soluções personalizadas, que explorem as características do cliente e do local.

Por exemplo, um consultório que esteja localizado em um prédio antigo poderá ter limitações estruturais que direcionem as decisões de layout, assim como o entorno de uma casa poderá facilitar ou dificultar a iluminação natural das salas. Pacientes infantis são mais sujeitos a pequenos acidentes e, por isso, as escolhas de dimensões e materiais de revestimento são bem específicas para esse público. O tempo de permanência e o número de pessoas que costuma acompanhar os pacientes do médico às consultas são indicadores para definir a quantidade de assentos necessária e, com isso, o tamanho da sala de espera. Indo mais além, a própria especialização médica e a linha de conduta seguida pelos profissionais da clínica poderão ser exploradas e reveladas através dos elementos do projeto de arquitetura e design de interiores.

 PAINEL DE SINALIZAÇÃO NO HALL DE ENTRADA COM ILUMINAÇÃO EM LED

PAINEL DE SINALIZAÇÃO NO HALL DE ENTRADA COM ILUMINAÇÃO EM LED

 DETALHE DO PAINEL DE SINALIZAÇÃO RECORTADO A LASER

DETALHE DO PAINEL DE SINALIZAÇÃO RECORTADO A LASER

Analisar esses fatores com sensibilidade para chegar a um resultado único e surpreendente é a nossa especialidade.

Nisso você pode confiar.


"Ficamos muito satisfeitos com o trabalho realizado pela U+C Arquitetura em nossa clinica. Conseguiram combinar funcionalidade com elegância para tornar o consultório médico um local agradável tanto para os pacientes como para toda a equipe que ali trabalha. Obrigado por tudo!"

Dr. Eduardo Nunes

 dr. eduardo nunes com os arquitetos monica ungaretti e frederico costacurta

dr. eduardo nunes com os arquitetos monica ungaretti e frederico costacurta

AMBIENTE DE TRABALHO BEM PROJETADO – Mais qualidade de vida e sucesso para o seu negócio

Especialistas confirmam que o ambiente de trabalho tem um grande peso na produtividade e na qualidade de vida. Organização, ergonomia e praticidade promovem segurança, bem-estar e agilidade na execução das tarefas, enquanto materiais, cores, formas, acústica, iluminação e temperatura são responsáveis pelos estímulos sensoriais que podem provocar motivação, equilíbrio e relaxamento ou, por outro lado, estresse, dispersão e irritação.

Nós acreditamos que um bom lugar para trabalhar é aquele que valoriza as relações humanas e provoca a criatividade. Pequenos ou grandes ajustes no ambiente físico podem despertar ideias e alavancar negócios, podem preservar a saúde e promover grande economia de recursos.

Percebemos a influência positiva e o poder transformador dos nossos projetos de arquitetura de interiores no dia-a-dia de uma empresa, clínica ou escritório. O resultado cativa os clientes e motiva seus colaboradores, comprovando que o objetivo foi alcançado. Esse é um investimento com retorno garantido.


Veja o exemplo prático que mostramos a seguir, um verdadeiro ‘case de sucesso’.

sal1.jpg

Tivemos a grande satisfação de acompanhar o nascimento e o crescimento da Salomon, Azzi. Projetamos o seu primeiro escritório em 2011, quando alugaram um pequeno conjunto comercial na Vila Olímpia. No ano seguinte fizemos o projeto de expansão, quando passaram a ocupar dois conjuntos no mesmo prédio. Dois anos depois veio a mudança para um novo endereço, no mesmo bairro e, claro, mais um projeto. Finalmente, no final de 2017, criamos o espaço atual, que ocupa um andar inteiro na mesma região. Construímos uma relação de respeito e confiança, que nos orgulha e comprova a nossa crença de que o ambiente de trabalho influencia diretamente no bem-estar dos profissionais e nos seus resultados.

sal3.jpeg

RECEPÇÃO – Quem chega para trabalhar é imediatamente impactado pela recepção, como se recebesse uma injeção de ânimo. Ampla, sóbria e elegante, ela mescla elementos claros e escuros de forma equilibrada. A iluminação imprime modernidade ao ambiente, através do led sob o balcão, do pendente assimétrico, das arandelas escultóricas, dos recortes no forro de gesso e dos embutidos funcionais. O arranjo de orquídeas faz o contraponto, acrescentando um pouco de cor e delicadeza ao espaço.

sal2.jpeg

SALA DE ESPERA – Poucas peças, com design limpo e sem excessos, compõem o ambiente simétrico. A luz natural ultrapassa a divisória de vidro, dando sensação de profundidade e clareando o espaço. Os bambus preservados tornam o clima amistoso, quase zen. As arandelas pretas de alumínio remetem ao formato e flexibilidade da planta, valorizam a trama do papel de parede e surpreendem os visitantes. Amarrando a composição, o tapete kilim listrado traz aconchego, com sua trama e cores suaves.

sal4.jpeg

SALA DE REUNIÃO – O tríptico de fotos estimula a criatividade e transmite tranquilidade aos participantes das reuniões. A mesa possui tomadas embutidas para os equipamentos e ligação direta com a tv, permitindo a realização de vídeo-conferências e apresentações a partir do notebook.

CORREDOR – As divisórias de alumínio têm vidros duplos e persianas internas, garantindo o isolamento acústico e a regulagem do visor. O carpete contribui para a absorção do som. O grande pendente de luz indireta sai do lugar comum e amplia o pé-direito. No final do corredor, jardineiras com plantas preservadas humanizam o espaço corporativo.

20180302_122453-02.jpeg

Sentir-se bem no seu ambiente de trabalho é o primeiro passo para alcançar o sucesso e preservar a saúde.

Investir em um bom projeto de arquitetura de interiores é um ótimo começo. Você ficará feliz com a transformação.

VEJA O QUE BOMBOU NO DW! – Design Weekend 2018

 COLORMIX – arquitetos monica ungaretti e frederico costacurta na Instalação anamórfica produzida com peças de porcelanato, na Al. Gabriel Monteiro da Silva..

COLORMIX – arquitetos monica ungaretti e frederico costacurta na Instalação anamórfica produzida com peças de porcelanato, na Al. Gabriel Monteiro da Silva..

A sétima edição do DW! Design Weekend movimentou a capital paulista na semana passada. O festival vem crescendo a cada ano e já está entre os cinco maiores do mundo. Foram mais de 300 eventos, entre exposições, feiras, palestras, instalações e lançamentos de produtos espalhados por 120 locais da cidade. Impossível comparecer a todos!

Fizemos para você uma pequena lista dos campeões de audiência e, claro, de imagens postadas no Instagram:


1) COLORMIX – A marca apresentou a instalação anamórfica produzida pelo arquiteto José Luiz Favaro (o mesmo daquelas que fizeram sucesso na última CASACOR SP) com peças da marca. A obra tirou partido de um “truque ótico”, que tem como base os movimentos de vanguarda Op Arte e Arte Concreta e foi disputadíssima para flashes na loja da Alameda Gabriel Monteiro da Silva. Para quem ainda não conhece a flagship (loja-conceito), o projeto assinado por Ricardo Basiches acaba de ser eleito o melhor showroom do mundo pelo prestigiado Architizer A+ Awards 2018, tanto em júri técnico quanto em votação popular e chama a atenção por ter sido concebido como uma galeria e não como loja comercial. Uma linda embalagem para abrigar uma infinidade de revestimentos incríveis, que, afinal, são o verdadeiro foco de todo o agito.


 arquiteta monica ungaretti e a Poltrona Folha, da Latoog, na loja Breton da Al. Gabriel Monteiro da Silva.

arquiteta monica ungaretti e a Poltrona Folha, da Latoog, na loja Breton da Al. Gabriel Monteiro da Silva.

2) BRETON – A vitrine da Gabriel apresentou duas novas poltronas penduradas: a POD, do designer Bruno Jahara e a Folha, da Latoog, em meio ao cenário de muita vegetação projetado em um enorme video-wall, com direito a trilha sonora com som de pássaros e burburinho de água corrente. Uma viagem sensorial para destacar o movimento EcoBreton, um conjunto de iniciativas da marca focadas na sustentabilidade. Dentro dessa proposta, teve início a campanha ‘Meu m²’, na qual a cada pedido fechado nas lojas, no site ou no departamento corporativo, o cliente contribui para recuperar 1 m² da Mata Atlântica.


3) GLASS 11 – A marca busca a essência de sua matéria-prima, o vidro. Suas peças procuram transmitir a magia do material e este é o desafio dos seus designers. Para o DW! foi criado o Bar Galeria Eleven, todo revestido com peças de espelho que seriam descartadas. A ideia foi criar um espaço de encontros para ser visto e vivenciado, como uma experiência de corpo e alma com o vidro. Deu certo! O espaço foi um dos grandes sucessos da temporada e pode ser visitado até o final do mês.

 GLASS 11: Bar Galeria Eleven, na Rua Crstiano Viana.

GLASS 11: Bar Galeria Eleven, na Rua Crstiano Viana.

4) BY KAMY – Em todas as edições do DW! a marca de tapetes promove em sua loja Maison uma exposição muito bem produzida e com conteúdo cultural relevante. Esse ano, o ‘Manifesto Trama das Artes’ tem curadoria de Daniela Bauer e “traz o que há de mais moderno e atual em matéria de tapeçaria. O ponto central é o intercâmbio entre a tradição do design têxtil e a arte contemporânea”. Uma verdadeira aula para os interessados. Até o dia 15/09.

 Loja Maison da By Kamy, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

Loja Maison da By Kamy, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

 Loja Maison da By Kamy, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

Loja Maison da By Kamy, Al. Gabriel Monteiro da Silva.


5) ESTAR MÓVEIS – A loja conceito despiu-se dos móveis que comercializa para apresentar a exposição ‘Emergência’, com instalações criadas por vários artistas. As obras provocaram a reflexão sobre os males da vida urbana, trazendo novas ideias e entendendo a arte e o design como forma de cura.

 Exposição “Emergência” na Estar Móveis, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

Exposição “Emergência” na Estar Móveis, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

 Exposição “Emergência” na Estar Móveis, Al. Gabriel Monteiro da Silva.

Exposição “Emergência” na Estar Móveis, Al. Gabriel Monteiro da Silva.


Para nós, arquitetos, é um orgulho receber em nossa cidade tantos colegas e admiradores do design, principalmente para transitar num universo em que materiais, cores, texturas, sons e tantos outros estímulos se misturam com muito charme.

É, também, a oportunidade de encontrar e valorizar os profissionais, empresários, artistas que tanto têm se dedicado a produzir arte e design com qualidade. Uma verdadeira festa! Já estamos na contagem regressiva para a DW! 2019.

PREVIEW MAISON & OBJET PARIS - Conheça e saiba o que vale a pena ver!

Paris é sempre muito inspiradora. Romântica e elegante, historicamente é referência quando o assunto é “décor”. Em setembro (falta pouco!) vai acontecer por lá a segunda edição do ano da Maison & Objet, feira internacional voltada para a decoração de interiores. Já dá pra imaginar a efervescência pelas ruas, lojas, restaurantes, galerias e museus!

maison 1.png

Como esse assunto nos interessa muito, fomos conferir de perto o preview apresentado recentemente no WTC por Marcelo Lima, que é arquiteto, jornalista, crítico especializado e apaixonado pelo tema. Vamos compartilhar aqui as melhores dicas que ele nos deu, mostrando o que vale a pena ver na Maison e também fora dela. Mesmo que você não vá a Paris, Paris virá até você! Quer ficar por dentro das novidades? Então vem com a gente e vamos embarcar nessa viagem!

 Monica Ungaretti no WTC

Monica Ungaretti no WTC

 Hotel Plaza Aténeé

Hotel Plaza Aténeé

TEMA - O tema dessa edição será “Virtuous”. Nas palavras de Vincent Grégoire, da agência de tendências NellyRodi, que criou o Inspirations Space e o Café-Bookstore:

“A ideia é criar novas regras, uma ética mais virtuosa, soluções inovadoras para crescimento alternativo e práticas de consumo. Esta é uma questão social muito urgente, que não pode ser ignorada. Respeitar os nossos semelhantes humanos e a natureza, poupando recursos naturais, transmitindo conhecimento às gerações futuras, lutando contra a obsolescência programada: são os desafios do século XXI. Ao incentivar esse círculo virtuoso, estamos criando uma nova dinâmica que, em últma instância, beneficiará cada um de nós.”

Nós concordamos e apoiamos!

maison 4.png
maison 5.jpg

DESIGNER DO ANO - A cada edição, a MAISON & OBJET PARIS elege o Designer do Ano, para homenagear um dos nomes que mais se destacaram mundialmente no design industrial e de interiores. Dessa vez escolheu celebrar o talento de Ramy Fischler. Belga, ele foi morar em Paris no ano de 1998. Sua obsessão é nunca se repetir. Por isso, está sempre experimentando. Em seu processo criativo, prefere questionar o valor da função, antecipar os comportamentos do futuro, definir a razão e o uso de cada projeto. Para ele, “o design deve fazer sentido”.

 “Nós assumimos cada projeto com uma nova percepção, sem preconceitos.” Ramy Fischler

“Nós assumimos cada projeto com uma nova percepção, sem preconceitos.” Ramy Fischler

 Ramy Fischler: Sede do Twitter França © Vincent Leroux / Reffetorio, Paris © JR

Ramy Fischler: Sede do Twitter França © Vincent Leroux / Reffetorio, Paris © JR


O QUE VALE A PENA VER NA MAISON & OBJET - Fique atento, porque serão 3.088 expositores na feira! Entre tantas produções interessantes será fácil se perder no tempo e no espaço. Então, para ajudá-lo a manter o foco, vamos mostrar os Top 5 de Marcelo Lima, que elegeu o que para ele é imperdível nessa Maison & Objet!

1. BUJNIE - É um estúdio de design polonês especializado em vasos, cachepots e suportes para plantas. Suas peças apresentam forma minimalista e limpa.

 Bujnie – Black Ovio Coffee Table e Adorned Mirror

Bujnie – Black Ovio Coffee Table e Adorned Mirror

 
maison 10.jpg
 Bujnie – a coleção apresenta diversos suportes para vasos, de parede e de piso, todos muito delicados.

Bujnie – a coleção apresenta diversos suportes para vasos, de parede e de piso, todos muito delicados.


2. DEESAWAT – Uma das líderes da indústria madeireira da Tailândia, a Deesawat desenvolve produtos inovadores em madeira teka para serem usados em áreas externas.

 DEESAWAT – biombo-verde e mobiliário para área externa

DEESAWAT – biombo-verde e mobiliário para área externa

 DEESAWAT – mesa de refeições e bancos para área externa

DEESAWAT – mesa de refeições e bancos para área externa

 DEESAWAT – mesa para área externa com “guarda-sol”.

DEESAWAT – mesa para área externa com “guarda-sol”.


3. ENOSTUDIO - Nasceu há dez anos, com a ambição de realizar objetos do cotidiano, móveis e luminárias com design perene, simples e poético. Com liberdade para criar e ousar, seu desejo é estabelecer o ressurgimento da elegância francesa, transcendendo uma forma de universo decorativo urbano e prospectivo.

 ENO STUDIO – delicadeza nas formas da luminária pendente Hat

ENO STUDIO – delicadeza nas formas da luminária pendente Hat

 ENO STUDIO – luminárias pendentes divertidas e elegantes.

ENO STUDIO – luminárias pendentes divertidas e elegantes.

 ENO STUDIO – simples e sofisticado.

ENO STUDIO – simples e sofisticado.


4. SELETTI – A empresa italiana reúne um coletivo de designers ligados à arte pop. Seus produtos primam pela excelência, inovação e originalidade, propondo um estilo de vida único, pessoal e divertido.

 SELETTI – criatividade e diversão.

SELETTI – criatividade e diversão.

 SELETTI – espelhos coloridos com motivo de máscaras tribais

SELETTI – espelhos coloridos com motivo de máscaras tribais


5. THE BASKET ROOM – Duas designers de moda inglesas que se uniram para desenvolver um lindo trabalho de cestaria com comunidades de mulheres africanas.

 THE BASKET ROOM – cestaria colorida produzida com comunidades africanas.

THE BASKET ROOM – cestaria colorida produzida com comunidades africanas.

 THE BASKET ROOM

THE BASKET ROOM

 THE BASKET ROOM

THE BASKET ROOM

 THE BASKET ROOM

THE BASKET ROOM


Gostou? Então, prepare o fôlego, porque a Maison & Objet é apenas uma das atrações da Paris Design Week, que acontece de 6 a 15 de setembro. A cidade estará repleta de eventos e lugares interessantes para conhecer.

 

maison 25.png

PARIS DESIGN WEEK – Vamos te dar algumas sugestões pinceladas pelo Marcelo Lima:

EMPREINTES – Localizada na Rue de Picardie, 5, no coração do Haut Marais, a loja conceito de artesanato ocupa 600 m², distribuídos por 4 andares com mais de 1.000 criações entre utensílios de mesa, iluminação, jóias e objetos de decoração. O lugar é muito charmoso e conta também com um café, uma livraria e uma sala de projeção.

 EMPREINTES

EMPREINTES

 EMPREINTES

EMPREINTES


RESTAURANTE APRES, KUBE HOTEL – O restaurante é decorado com mobiliário vintage e possui um pátio interno repleto de plantas.

 RESTAURANTE APRES, KUBE HOTEL

RESTAURANTE APRES, KUBE HOTEL


LE VIADUCT DES ARTS - É o antigo viaduto da Bastilha, construído em meados do século XIX, para apoiar a linha ferroviária Paris/Bastille-Varenne. No início dos anos 80, a cidade de Paris decidiu reabilitar este local e dedicá-lo às artes e ofícios. Agora suas abóbadas abrigam lojas, oficinas, showrooms, restaurantes e galerias, com 52 artesãos de moda, design, decoração, cultura, arte e joalharia.

 LE VIADUCT DES ARTS

LE VIADUCT DES ARTS

 LE VIADUCT DES ARTS

LE VIADUCT DES ARTS

 LE VIADUCT DES ARTS

LE VIADUCT DES ARTS


NOW! LE OFF – A exposição realizada no Les Docks - Cité de la Mode et du Design tornou-se uma importante plataforma para a criatividade dos designers. A mostra apresenta os novos talentos e marcas de design emergentes de todo o mundo. O Les Docks foi inaugurado em 2010, na área dos antigos armazéns gerais no quai d'Austerlitz. O espaço em si já é uma atração!

 Les Docks - Cité de la Mode et du Design

Les Docks - Cité de la Mode et du Design

 Les Docks - Cité de la Mode et du Design

Les Docks - Cité de la Mode et du Design

 Les Docks - Cité de la Mode et du Design

Les Docks - Cité de la Mode et du Design

Ufa! A maratona é grande, mas a experiência é inesquecível! Depois dessa pequena amostra, você deve ter ficado com água na boca. Para os apaixonados por decoração, melhor do que ir à Paris, só mesmo ir à Paris durante a Design Week!

Até breve!

MODERNOS ETERNOS – A mostra boutique de decoração

Idealizada pela designer de interiores Maria di Pace e pelo jornalista Sergio Zobaran, a mostra 'Modernos Eternos' chega em agosto à sua 5ª edição na capital paulista. Sempre com uma curadoria bastante criteriosa, esse ano vem com a proposta de debater o movimento ‘pós-luxo’ e a ressignificação do consumo nos dias atuais.

 FOTO: DIVULGAÇÃO DW!

FOTO: DIVULGAÇÃO DW!

Os dez ambientes são assinados por profissionais consagrados: Ana Maria Vieira Santos, Dado Castello Branco, David Bastos, Gustavo Neves, In House, Luciana Teperman, Marco Aurélio Viterbo, Murilo Lomas, Sig Bergamin e Wesley Lemos (em ordem alfabética).

Todas as peças que compõem os espaços estarão à venda, então é uma oportunidade única para quem costuma se apaixonar pelos móveis e objetos ambientados. São muitos itens bacanas, em um ‘mix’ de design atual, vintage, antiguidades e obras de arte - uma imersão na história do mobiliário através da mistura harmoniosa de estilos e épocas.

“A cada edição buscamos reforçar a importância do consumo consciente na decoração e a valorização do mobiliário e do design”, explica Maria di Pace.

“Trabalhamos com a reutilização de peças de valor eterno e utilização de materiais de montagem recicláveis, descartando qualquer geração de resíduos”, complementa Zobaran, reforçando a preocupação da mostra com a sustentabilidade e consciência ambiental.

Por isso tudo, fica aqui a nossa sugestão: anote na agenda e não perca! A 'Modernos Eternos' será realizada no Studio 689, de Ugo di Pace, na Alameda Gabriel Monteiro da Silva. A mostra boutique de decoração já está confirmada como uma das atrações do festival DW! São Paulo Design Weekend 2018. Falaremos sobre esse evento incrível em breve. Aguarde!

Modernos Eternos 
Studio 689 – Ugo di Pace
Local: Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 689 – Jardim Europa, São Paulo, SP
Data: 22 de agosto a 2 de setembro

Horário: 13h às 20h
Entrada: R$ 40,00

ESCADA INTEGRADA AO JARDIM – Linda e funcional!

Há pouco tempo fomos desafiados a reformar a fachada e, principalmente, o piso da área externa frontal de uma casa muito charmosa na zona sul de São Paulo. A inclinação original do terreno definiu que a edificação fosse implantada acima do nível da rua. Assim, cruzando o portão, para se chegar à porta de entrada era preciso subir alguns degraus. 

Essa escada era bem rústica, de dormentes e pedriscos brancos. Com muito tempo de uso, a madeira estava bastante desgastada e as pedrinhas teimavam em sair do lugar. Para completar, as alturas dos degraus eram diferentes. Isso tudo causava uma impressão de desorganização, quase descaso, podendo até representar perigo de queda para os moradores e seus convidados.

 SITUAÇÃO ANTERIOR: PEDRISCOS BRANCOS E DORMENTES GASTOS E ESCORREGADIOS

SITUAÇÃO ANTERIOR: PEDRISCOS BRANCOS E DORMENTES GASTOS E ESCORREGADIOS

 SITUAÇÃO ANTERIOR: RISCO DE QUEDA E ACIDENTES

SITUAÇÃO ANTERIOR: RISCO DE QUEDA E ACIDENTES

 SITUAÇÃO ANTERIOR: DEGRAUS COM ALTURAS IRREGULARES

SITUAÇÃO ANTERIOR: DEGRAUS COM ALTURAS IRREGULARES

Nossa proposta foi criar uma escada integrada ao jardim, onde a vegetação permeasse os degraus, suavizando o volume construído. Procuramos embelezar a fachada, combinando o paisagismo ao elemento arquitetônico. O mesmo material da escada foi utilizado na calçada externa, resultando num conjunto harmonioso e convidativo. A cliente adorou! O imóvel teve uma significativa valorização e a residência está muito mais agradável para ser habitada.

Isto mostra que mesmo em intervenções "pequenas" ou pontuais, arquitetos podem usar sua criatividade e experiência para agregar valor a um patrimônio e melhorar a experiência dos usuários. Palavra da proprietária: "Valeu o investimento!". 

Veja como ficou:

 DURANTE A EXECUÇÃO

DURANTE A EXECUÇÃO

 JÁ COM A VEGETAÇÃO: OS DEGRAUS PARECEM FLUTUAR

JÁ COM A VEGETAÇÃO: OS DEGRAUS PARECEM FLUTUAR

 VISÃO DESDE A RUA: ESCADA ALEGRE E BONITA. repare nas plantinhas na calçada, ao longo da mureta!

VISÃO DESDE A RUA: ESCADA ALEGRE E BONITA. repare nas plantinhas na calçada, ao longo da mureta!

 SENSAÇÃO DE LIMPEZA AO CHEGAR EM CASA

SENSAÇÃO DE LIMPEZA AO CHEGAR EM CASA

 ESCADA SEGURA E CONFORTÁVEL

ESCADA SEGURA E CONFORTÁVEL

Para fazer o projeto, tivemos algumas preocupações com a segurança dos usuários e com a praticidade de manutenção (além da estética, é claro):

1) DIMENSÕES DOS DEGRAUS

- definimos a quantidade de degraus de forma a resultar numa altura de espelho confortável,

- definimos a profundidade dos degraus reservando um espaço para a vegetação e proporcionando pisadas contínuas e seguras,

- definimos a largura dos degraus de acordo com a abertura do portão e a configuração do jardim.

 CORTE ESQUEMÁTICO DA ESCADA

CORTE ESQUEMÁTICO DA ESCADA

2) PISO

- escolhemos um material antiderrapante,

- garimpamos um porcelanato com ótimo custo-benefício,

- indicado também para a garagem,

- lavável com jato tipo "wap",

- com rejunte bem fino,

- com superfície regular (plano).

Se você tiver uma escada, um canto, um ambiente sem uso ou mal utilizado, pode ser a oportunidade para valorizá-lo e obter um bom aproveitamento. Fazer essas transformações é uma das nossas especialidades. Podemos dizer com orgulho que todos nossos clientes ficaram satisfeitos e felizes com essas conquistas! Estamos prontos para fazer o mesmo com o seu apartamento, a sua casa, ambiente de trabalho, escritório ou consultório! Vamos começar?

PORTA DE ENTRADA – A primeira impressão é a que fica

Quem nunca ficou impressionado com uma bela porta de entrada? E quem nunca sonhou em ter uma porta super bacana na sua casa, no seu apartamento, no seu escritório ou consultório?

Esse é um dos itens que nossos clientes concordam que vale a pena investir. Algo mexe com todos que passam por uma porta diferente, seja pelo seu estilo, pela sua cor, seu tamanho ou pelo jeito de abrir. Chegar em casa tem um atrativo a mais. Ver o quanto sua empresa se destaca e revela personalidade é um estímulo para trabalhar e produzir melhor. O fato é que uma porta projetada carrega em si uma intenção. E por ser o primeiro contato visual que o visitante terá, causar admiração e empatia são efeitos sempre bem-vindos.

Vamos te mostrar agora um exemplo bem recente. É ótimo ver uma transformação na prática e começar a pensar nas suas possibilidades!

 VISTA EXTERNA ORIGINAL DO CONJUNTO

VISTA EXTERNA ORIGINAL DO CONJUNTO

 VISTA INTERNA ORIGINAL DO CONJUNTO

VISTA INTERNA ORIGINAL DO CONJUNTO

Nossos clientes gostaram bastante desse conjunto, mas quase desistiram de alugar. Adivinha por que? Pois é, a porta de entrada não agradou. Não tinha nada de especial. Pelo contrário! Era de vidro, sem personalidade, insignificante e, para completar, estava até com a fiação da fechadura elétrica aparente (!).

Mesmo assim, tomaram a decisão de fechar o contrato e nos chamaram para fazer o projeto da nova recepção. A prioridade, claro, seria a porta de entrada.

Estudamos o perfil da empresa, analisamos todas as interferências, a posição no hall dos elevadores, a conexão com o painel amadeirado do vizinho e apresentamos a nossa proposta.

det proj hab 1.png
 PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA

PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA

 PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA

PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA

O conceito foi criar uma caixa forte. Para isso, aumentamos a profundidade do batente e fizemos a soleira da mesma cor e medida. Utilizamos todo o vão para fazer uma única folha mais espessa, pivotante, em laca branca high gloss. Criamos um rebaixo que funciona como puxador e remete sutilmente à letra ‘H’, deixando uma área para a marca da empresa em relevo. Nas laterais, instalamos arandelas com fitas de led na mesma altura da porta, aumentando a sensação de imponência. Posicionamos o painel de controle de acesso na parede ao lado, de forma a não interferir no conjunto. Para completar, revestimos as paredes com um papel bem contemporâneo em tons de cinza e marrom.

 PREPARAÇÃO PARA RECEBER A NOVA SOLEIRA

PREPARAÇÃO PARA RECEBER A NOVA SOLEIRA

 A NOVA SOLEIRA ASSENTADA

A NOVA SOLEIRA ASSENTADA

 MUITO CUIDADO PARA COLOCAR O BATENTE E A PORTA

MUITO CUIDADO PARA COLOCAR O BATENTE E A PORTA

 BATENTE E PORTA COLOCADOS

BATENTE E PORTA COLOCADOS

Sucesso total! Todos na empresa adoraram e os clientes deles estão elogiando muito.

Missão cumprida! Em breve vamos mostrar como ficou a recepção!

 PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

 PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

 PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

PROJETO U+C ARQUITETURA - PORTA DE ENTRADA - INSTALAÇÃO FINALIZADA

VARANDA INTEGRADA À SALA: uma ótima solução para ampliar o apartamento

Incorporar a varanda à sala promovendo a integração entre esses dois ambientes pode proporcionar a sensação de um espaço maior, ainda que a área do apartamento seja a mesma. Alguns truques ajudam bastante a criar essa amplitude visual:

· Retirar a esquadria de alumínio entre a sala e o terraço,

· Nivelar o piso do terraço com o da sala,

· Utilizar o mesmo material no piso dos dois ambientes.

Veja um apartamento que fizemos recentemente em que retiramos a porta de correr e utilizamos porcelanato retificado 90 x 90, com acabamento natural em todo o piso.

 APARTAMENTO COM VARANDA INTEGRADA À SALA

APARTAMENTO COM VARANDA INTEGRADA À SALA

Deixamos uma parte do vão totalmente livre e na outra criamos um elemento vazado entre os dois sofás, que delimita as áreas com charme e sem tirar a profundidade total.

 SALA DE ESTAR AMPLIADA COM DIVISÓRIA VAZADA EM FERRO (DESIGN U+C)

SALA DE ESTAR AMPLIADA COM DIVISÓRIA VAZADA EM FERRO (DESIGN U+C)

A mesa de jantar foi colocada no terraço, perto da churrasqueira, liberando espaço na sala.

 MESA DE JANTAR COM BALCÃO

MESA DE JANTAR COM BALCÃO

Para garantir o conforto térmico, colocamos um aparelho de ar condicionado na varanda. Escondemos a tubulação com drywall e criamos um nicho para o jardim vertical, feito com plantas preservadas que não necessitam de água.

Fizemos o envidraçamento da sacada reservando uma área externa para a condensadora do ar condicionado. Dessa forma, ela faz a troca de ar sem comprometer a temperatura interna. Aplicamos uma película no vidro para ocultar o equipamento. 

 CANTO ACONCHEGANTE COM JARDIM VERTICAL

CANTO ACONCHEGANTE COM JARDIM VERTICAL

Olha como era antes da ambientação:

somma 8.jpg

Gostou? Esse projeto pode servir de inspiração para o seu. Mas lembre-se que a configuração da planta original do imóvel e o estilo de vida de cada morador é que irão determinar as soluções mais criativas e acertadas para você.

E, para terminar, alguns cuidados importantes:

· antes de se aventurar nessa empreitada, certifique-se com o condomínio se existe alguma restrição que impeça as alterações planejadas;

· para nivelar os contrapisos utilize materiais leves, que não comprometam a estrutura do edifício.

HOME-THEATER: 10 medidas que vão melhorar (e muito!) a sua experiência.

A sensação de sentar em um sofá super confortável e assistir um filme, um show de música ou uma partida de futebol da Copa do Mundo em uma tela gigante, com imagem perfeita e sistema de som envolvente é um sonho de consumo da maioria dos nossos clientes.

Esse sonho está se tornando mais acessível, graças à constante evolução da tecnologia e redução dos preços das tvs. Será que chegou a hora de planejar o seu?

Ao longo dos nossos mais de 30 anos de experiência profissional, aprendemos muito e continuamos aprendendo, já que existe sempre uma novidade tecnológica nessa área. Por isso, muitas vezes somos chamados para transformar um móvel antigo, feito sob medida para os aparelhos da época. 

home1.png
home2.png
home3.png

Foi o caso desse home-theater. Quando fizemos o primeiro projeto, em 2005, desenhamos o móvel com profundidade de 70 cm, para abrigar a super tv que existia no mercado. Desenhamos 4 gavetões embaixo do nicho para guardar todos os cds e dvds (coisas do passado!).

Na lateral direita, colocamos prateleiras de vidro para os equipamentos de áudio. Definimos o subwoofer branco, da altura do rodapé, para não chamar a atenção. Na parte superior inserimos a grelha de insuflamento do ar condicionado. Ficou lindo!

Mas ficou ultrapassado. Recentemente voltamos ao apartamento para dar uma repaginada geral. Em conjunto com nossos clientes, decidimos não mexer na profundidade da estante, em função da tubulação do ar condicionado. Nossa proposta foi trazer o fundo central para frente, eliminar os gavetões para liberar espaço para os novos equipamentos e tornar o conjunto mais leve. Aplicamos um papel de parede prata para dar um charme e quebrar o branco total da laca. Veja como ficou mais leve e atual.

home4.png
home5.png

E o ambiente ficou assim...

 APARTAMENTO CONTEMPORÂNEO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

APARTAMENTO CONTEMPORÂNEO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

Agora queremos compartilhar com você um pouco do nosso conhecimento. Esperamos que esse post seja bastante útil e sirva de alavanca para te levar até a conquista do seu cinema particular. Reunimos 10 medidas importantes para considerar na execução de um home-theater. Aproveite!

1- PONTOS - Distribua os pontos elétricos de acordo com a posição dos aparelhos. É importante deixar uma tubulação larga (ou duas, conforme o projeto) ligando as caixinhas inferiores às superiores que ficarão atrás da tv. Recomendamos que seja embutida na parede. Deixe também uma tubulação seca no forro conectada à central de som para a passagem dos fios até as caixas acústicas.

2- ALTURA DA TV – A altura ideal da tv é aquela em que o ponto mediano do aparelho fique na altura dos olhos da pessoa sentada. Geralmente está entre 0.90 m e 1.10 m. Considerando uma pessoa com 1.70 m de altura, o eixo da tv deve ficar a 1.00 m do piso.

3- DISTÂNCIA DA TV EM RELAÇÃO AO SOFÁ – Varia de acordo com o tamanho da tela. Existem algumas tabelas disponíveis na internet, mas em nossos projetos consultamos sempre um profissional de áudio e vídeo para orientar na escolha dos equipamentos. Antes de existirem as tvs Full HD, a proximidade do aparelho causava uma percepção distorcida da imagem, mostrando os pixels da sua composição. Nos monitores modernos esse problema não existe, mas lembre-se que deve haver distância suficiente do sofá para enxergar toda a tela e, assim, evitar o incômodo de acompanhar a imagem com movimentos constantes de pescoço ou dos olhos.

4- FUNDO REMOVÍVEL – Ao projetar o móvel para os equipamentos (receiver, apple tv, etc.) deve-se prever um fundo removível que facilitará a conexão e desconexão entre eles. Esse detalhe auxilia a instalação e facilita a futura troca de equipamentos.

5- SUBWOOFER – O subwoofer é o equipamento responsável pelos sons graves. Para evitar trepidações que prejudicam a qualidade do áudio ele deve ser apoiado diretamente no piso ou sobre uma base de madeira maciça.

6- FORRO DE GESSO – O forro é um ótimo recurso para esconder os conduítes, embutir as caixas de som traseiras, criar iluminação indireta e esconder os trilhos das cortinas.

7- SOFÁ – Para garantir maior conforto, o sofá principal deve estar em frente à tv e possuir almofadas de encosto altas, que apoiem bem as costas e, se possível, a cabeça.

8- ILUMINAÇÃO – A iluminação ideal é a indireta. Deve-se evitar a colocação de spots embutidos em frente à tela da tv, porque a luz reflete na imagem. Recomendamos a utilização de recortes no forro combinados a abajures ou luminárias de piso.

9- BLACKOUT – A visualização das imagens nas tvs atuais não é tão afetada pela claridade ou incidência de luz solar, mas quando a janela fica em frente ao aparelho, a utilização de um blackout proporciona muito mais conforto visual. São vários os tipos de blackout disponíveis no mercado, desde os mais simples (para ficarem escondidos atrás da cortina) até os mais sofisticados e bonitos.

10- REVESTIMENTOS – Uma solução que alia beleza e eficiência é revestir as paredes com elementos acústicos. Pode ser uma trama de fibra pintada, um papel de parede ou até módulos coloridos compostos de cortiça (bem diferentes daquela cortiça tradicional). Aqui vai uma dica: se o painel ou parede do fundo da tv for escuro, não chamará a atenção para si, deixando prevalecer a imagem do vídeo e proporcionando uma experiência mais intensa.

Gostou? Com essas orientações, acreditamos que você esteja mais preparado para acompanhar o planejamento e a execução do seu home-theater e, assim, viver experiências incríveis. Veja mais fotos de alguns projetos que fizemos:

 APARTAMENTO CONTEMPORÂNEO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

APARTAMENTO CONTEMPORÂNEO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

 APARTAMENTO COMPACTO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

APARTAMENTO COMPACTO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

 APARTAMENTO CLÁSSICO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

APARTAMENTO CLÁSSICO - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

 APARTAMENTO JOVEM - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

APARTAMENTO JOVEM - PROJETO E EXECUÇÃO U+C ARQUITETURA

No nosso Instagram (@uc.arquitetura) tem mais! E, se a sua intenção for investir nesse ambiente da sua casa para que saia tudo perfeito, entre em contato conosco que teremos muito prazer em te atender.

CASACOR 2018: Vale a visita!

Se você ainda não foi à CASACOR esse ano, fica aqui a nossa dica. A mostra, que pode ser visitada até 29 de julho, está muito bonita e bem organizada! É sempre um orgulho para nós, arquitetos, que um evento tão grande voltado ao design de interiores, decoração, arquitetura, arte e paisagismo se mantenha vivo e pulsante, apesar de tudo e de todos. Até por isso, em sua 32ª edição, a 13ª no Jockey Club de São Paulo, o tema ‘A Casa Viva’ nos pareceu perfeito.

 FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

 FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

 FOTO: RÔMULO FIALDINI / CASACOR

FOTO: RÔMULO FIALDINI / CASACOR

Mesmo para quem não está montando a casa ou apartamento do zero, passear pelos 82 ambientes muito bem produzidos provoca os sentidos. Isso pode fazer você prestar mais atenção ao lugar onde mora e ficar com vontade de iniciar um processo de transformação dos espaços, para sentir mais prazer no dia a dia, ter mais qualidade de vida e receber melhor os amigos.

 FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

 FOTO: RAFAEL RENZO / CASACOR

FOTO: RAFAEL RENZO / CASACOR

 FOTO: FILIPPO BAMBERGHI / CASACOR

FOTO: FILIPPO BAMBERGHI / CASACOR

Repare na ampla integração entre as áreas interna e externa promovida por grandes aberturas e muito vidro, nas paredes revestidas com materiais naturais como pedra e madeira, no forro com trama de fibra e na vegetação abundante. Tem até uma casa modular erguida em menos de 30 dias, sem resíduos ou uso de água.

Se precisar de uma pausa para trabalhar enquanto estiver por lá, o espaço Templo Coworking é bastante agradável, com mesão e wi-fi. Para descansar e postar uma foto, existem puffs e bancos espalhados em diversas áreas externas. E os restaurantes são uma delícia!

 FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

 FOTO: EVELYN MÜLLER / CASACOR

FOTO: EVELYN MÜLLER / CASACOR

 FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

FOTO: FELIPE ARAÚJO / CASACOR

Agora uma boa notícia: é possível mudar totalmente uma sala, um quarto ou escritório com rapidez e investimento controlado. Separamos para você alguns detalhes bacanas que vimos por lá e que podem servir de referência para o nosso próximo projeto:

 FOTO: FREDERICO COSTACURTA

FOTO: FREDERICO COSTACURTA

Tapete de fibra natural em tons neutros com padrão de desenho diferenciado, mesas de centro com alturas diferentes, móveis assinados (vale investir em uma peça de destaque, como a poltrona), luz indireta, cortina de linho, painel de madeira, muitas plantas e quadros dispostos com originalidade.

 FOTO: MONICA UNGARETTI

FOTO: MONICA UNGARETTI

Painel de madeira com iluminação de led embutida na cabeceira da cama. Pendente direcionado para os vasinhos com plantas verdadeiras sobre o criado-mudo.

 FOTO: MONICA UNGARETTI

FOTO: MONICA UNGARETTI

Terrário – um pouco de verde que pode ser colocado em qualquer lugar da casa.

 FOTO: FREDERICO COSTACURTA

FOTO: FREDERICO COSTACURTA

Manta de tricô, luminárias diferentes, peças com memória afetiva.

Que tal? Já está pensando por qual cômodo da sua casa você vai começar? Nós estamos muito animados para participar desse processo. Entre em contato agora mesmo e vamos juntos transformar esse sonho em realidade.

Banheiros novos na casa de praia: ótimo resultado, custo reduzido!

Depois que postamos no Instagram a reforma de um banheiro que fizemos na Barra do Sahy, tivemos muitos pedidos para que mostrássemos um pouco mais desse projeto. Então, vamos lá!

A casa foi construída há cerca de 30 anos, de forma bem rústica. Fizemos uma reforma geral, procurando manter o seu espírito descontraído, mas tirando o peso da idade e deixando os ambientes mais claros e alegres.

 BLOCO 2 ANTES DA REFORMA

BLOCO 2 ANTES DA REFORMA

 ANTES DA REFORMA

ANTES DA REFORMA

Hoje vamos nos concentrar nos banheiros das quatro suítes, que ficam no bloco de trás, sendo dois no térreo e dois no pavimento superior. Todos tinham piso de cerâmica 10x10 com rejuntes largos (típico daquela época), encardidos e difíceis de manter limpos, principalmente na área do chuveiro. Para completar, o piso dos banheiros do pavimento superior eram pretos, o que escurecia bastante esses ambientes.

Todas as paredes eram bastante irregulares, com acabamento apenas na massa grossa e tinta PVA branca. (Aqui vale um alerta importante: não vale a pena economizar na tinta do banheiro! Se você optar por pintura, lembre-se que a tinta deve ser adequada às condições do ambiente e, nesse caso, resistir à umidade. Nas paredes do box, em especial, recomendamos colocar um revestimento cerâmico ou porcelanato, para garantir a proteção necessária).

ANOTAÇÕES ANTES.jpg

Um ponto positivo dos banheiros era a quantidade de janelas, que deixavam a luz do sol entrar e promoviam uma ótima circulação de ar. O problema é que as esquadrias estavam presas a grandes batentes de madeira, tomados por cupins.

 

As bancadas eram de madeira natural escura, com cuba de sobrepor. Resultado: a água sempre espirrava, molhando a madeira, que precisava de manutenção constante no verniz.

Nos banheiros do térreo, as bancadas eram pequenas e chanfradas, ficando em um canto de parede em frente à porta, enquanto sobrava muito espaço vazio.

 BANHEIRO DO TÉRREO ANTES DA REFORMA

BANHEIRO DO TÉRREO ANTES DA REFORMA


Agora que você já entendeu como eram os banheiros, vamos à obra!

Retiramos os pisos, os forros e batentes de madeira, as louças, bancadas e assessórios. Regularizamos as paredes mais tortas para receber as novas bancadas e o revestimento dos boxes. Substituímos o encanamento antigo e reposicionamos os pontos hidráulicos e elétricos.

 ELIMINAMOS OS CHANFROS NOS CANTOS DOS BANHEIROS DO TÉRREO

ELIMINAMOS OS CHANFROS NOS CANTOS DOS BANHEIROS DO TÉRREO

Sahy_cerâmica e impermeab..jpg
 ESTE É O MOODBOARD DE ACABAMENTOS QUE MONTAMOS PARA O PROJETO

ESTE É O MOODBOARD DE ACABAMENTOS QUE MONTAMOS PARA O PROJETO

Sahy_obra box.jpg

Assentamos a cerâmica nas paredes do box. Escolhemos um padrão retangular, na cor branca, que remete à areia da praia, com leves ondulações. Ficou incrível!

Assentamos o porcelanato amadeirado do piso, com rejunte mínimo e rodapé alto. Escolhemos um tom claro, com leve pátina branca, que aquece sem pesar o visual. Não temos preconceito na hora de especificar esse tipo de produto. É a tecnologia trabalhando a favor do meio ambiente. A natureza agradece!

Sahy_ralo linear_e.jpg
Sahy_bacada, louças e metais.jpg

Para fazer o tampo, a saia e o frontão da bancada, optamos por um mármore branco de ótimo custo, que encontramos em uma marmoraria da região. Com alguns veios verdes muito suaves, o que poderia ser motivo de descarte, neste caso caiu como uma luva. Realmente, um achado!

 

 GABINETE COM NICHO E GRELHA PARA VENTILAÇÃO

GABINETE COM NICHO E GRELHA PARA VENTILAÇÃO

Projetamos os gabinetes em MDF especial para áreas molhadas. Criamos um nicho coringa, que serve para armazenar toalhas extras, papel higiênico e até para deixar a nécessaire da temporada. Para ventilar o compartimento interno dos armários, criamos detalhes com grelhas vazadas de alumínio branco.

Pintamos as portas e janelas em um tom de verde das folhagens locais, integrando o interior da casa à área externa.

Instalamos bacias com caixa acoplada, que economizam água e facilitam a manutenção. Acrescentamos também uma ducha higiênica em cada um dos banheiros.

 PAVIEMENTO SUPERIOR

PAVIEMENTO SUPERIOR

 PAVIMENTO TÉRREO

PAVIMENTO TÉRREO

Por fim, instalamos os boxes de vidro incolor, grandes espelhos e novos toalheiros e papeleiras.

Sahy_detalhe box.jpg

Essa foi uma reforma sem grandes despesas, que promoveu uma enorme mudança no aspecto geral dos banheiros, melhoria na saúde dos usuários e praticidade de manutenção.

Sahy_depois 2.JPG
Sahy_depois 1.JPG

QUARTO DESCOLADO – Parte 4: Ficou pronto!

Para quem acompanhou todo o processo de transformação do quarto da Ju, do início do projeto até o final da execução, chegamos ao momento tão esperado em que o antigo dormitório de criança deu lugar a um novo ambiente, mais adulto e super descolado!

geral.jpeg

Cada detalhe foi pensado com muito carinho para atender às necessidades e expectativas da nossa cliente, que cresceu e se tornou uma jovem antenada, prestes a ingressar na faculdade.

Pensando nisso, escolhemos a escrivaninha a dedo! Adoramos esse modelo, em madeira e couro natural. Além de ser uma peça linda, ela é espaçosa e permite que os momentos de estudo tenham todo o conforto. A Ju amou!

escrivaninha.JPG

Para completar o conjunto, projetamos um gaveteiro com rodízios, na mesma madeira da escrivaninha. Desenhamos os cantos curvos, deixando o móvel mais feminino. Entregamos a responsabilidade de executá-lo ao nosso melhor marceneiro, que caprichou no acabamento. A cereja do bolo são os puxadores de couro e cobre. Ficou incrível!

detalhe escrivaninha.JPG

Desenhamos todo o mobiliário seguindo a mesma linguagem: a mini-cômoda, a cama, o nicho lateral e a estante, que funciona como uma divisória para a área de estudo.

As grandes lâmpadas de filamento são um charme e proporcionam a iluminação tranquila com que a Ju sonhava. Repare no detalhe: elas são ligadas diretamente na tomada e dispensam fiação no teto.

lamp.jpg
painel, luminárias, criado.JPG

E quem disse que arquiteto não aproveita nada? A cadeira giratória era de muito boa qualidade. Nós só trocamos a telinha do encosto, que era branca por preta e estofamos o assento, que ganhou o mesmo tecido de alta performance na cor tangerina das almofadas.

escrivaninha,poltrona.JPG

Por falar em tecidos, nós montamos a cartela com cores quentes, para deixar o ambiente bem aconchegante. Quando a Ju viu a seda rústica colorida... ficou apaixonada! Como é muito especial, o seu valor está acima da média dos outros tecidos. Resolvemos a questão do orçamento comprando a quantidade para fazer apenas uma almofadinha. Foi o suficiente. Ela ganhou destaque na composição, a Ju ficou feliz e o conjunto todo coube no bolso dos pais.

Essa é uma boa dica para quem está decorando e tem orçamento enxuto: monte uma composição geral com itens básicos e invista em detalhes que façam realmente a diferença.

cama.jpg

Reparou na passadeira kilim que garimpamos? Ela tem todas as cores que trabalhamos no projeto e deu o toque final para deixar o quarto ainda mais acolhedor.

Gostou? Lembra de como era o quarto da Ju, que fizemos quando ela ainda era uma criança?

Veja como ele cresceu!

quartos (2).jpg

Nós adoramos os dois, mas cada um reflete o momento de vida da época.

Esperamos que esse projeto sirva de inspiração para que você também faça transformações no seu quarto, sala, varanda, cozinha ou outro ambiente que esteja precisando de uma reforma para ficar com a sua cara atual. Se esse for o seu caso, entre em contato com a gente, que estamos prontos para te ajudar!

QUARTO DESCOLADO – Parte 3: Obra

O nosso projeto foi aprovado pela Ju!  O passo seguinte foi fazer todo o detalhamento executivo, os orçamentos e, então, partimos para a obra!

Retiramos o caixilho que dividia o quarto do terraço, nivelamos o piso que era mais baixo, completamos o assoalho de madeira e refizemos o forro de gesso para que pudesse esconder a viga. Também alteramos o envidraçamento da sacada, aproveitando os vidros existentes e mudando apenas o sentido da última folha. Assim, ainda sobrou um cantinho aberto da varanda para colocar um vaso de planta e manter a ventilação da janela do banheiro.

 Contrapiso nivelado para receber o assoalho de madeira: o quarto cresceu!

Contrapiso nivelado para receber o assoalho de madeira: o quarto cresceu!

 pintura do novo forro de gesso

pintura do novo forro de gesso

Olha só que ideia bacana: para reforçar o clima despojado, nós revestimos um pilar do antigo terraço com aço cortén. Disfarçamos a diferença de espessura entre ele e a parede e ao mesmo tempo criamos um fundo especial para o criado-mudo. Repare que o dente até valoriza o painel, dando a impressão de que a sua espessura é maior.

 colocação da chapa de aço cortén

colocação da chapa de aço cortén

 chapa de aço cortén colocada: clima descolado garantido!

chapa de aço cortén colocada: clima descolado garantido!

Para esconder o laminado branco do armário e ampliar visualmente o espaço do quarto revestimos as portas de correr com espelho. O resultado foi um sucesso!

 as portas dos armários já com os espelhos

as portas dos armários já com os espelhos

Em seguida, instalamos as luminárias e as peças de marcenaria.

Para completar, aplicamos papel de parede em todo o quarto. A parede da escrivaninha ganhou destaque com o papel vinílico de tijolos aparentes. Um recurso limpo e muito rápido para mudar completamente o visual do ambiente. Parece até real! Mas atenção: como o quarto é um lugar de descanso, para não ficar muito carregado de informação, revestimos as outras paredes com um papel de padrão mais neutro.

 marcenaria e luminárias instaladas. nesta parede ainda falta o papel de parede

marcenaria e luminárias instaladas. nesta parede ainda falta o papel de parede

 o papel de parede estampado que será usado em uma das paredes: tijolinhos com textura

o papel de parede estampado que será usado em uma das paredes: tijolinhos com textura

Quase tudo pronto! No próximo post, teremos o quarto completo. Não perca!

QUARTO DESCOLADO – Parte 2: Projeto

Continuando a nossa história, hoje vamos contar o que a nossa jovem cliente, agora com 17 anos, nos pediu para fazer em seu novo quarto.

A Ju pesquisou bastante no Pinterest e nos trouxe várias referências que gostaria de incorporar ao projeto. Nada muito certinho e comportado. Ela sonhava com uma iluminação mais fraca e menos convencional (nada de spots brancos embutidos no forro). Também falou que não queria mais a tv, porque não assistia e que não gostava das portas brancas dos armários, “muito sem graça”.

Percebemos que ela se identificava mais com ambientes acolhedores, que revelassem a alma do dono. E foi por aí que nós embarcamos...

 Spots embutidos e portas brancas dos armários: "sem graça"...

Spots embutidos e portas brancas dos armários: "sem graça"...

Por último, ela nos pediu (se fosse possível): uma cama maior, uma escrivaninha maior, muito espaço para seus livros e uma poltrona confortável onde pudesse ler.

Colocar tudo isso no seu quarto foi, sem dúvida, o nosso grande desafio, porque ele era bem pequeno! Veja a planta!

            Planta antes do novo projeto e da reforma mais recente.

           Planta antes do novo projeto e da reforma mais recente.

 

Com todas essas informações, elaboramos o conceito para o projeto. Quisemos criar uma atmosfera de loft, bem descolado, com a cara da Ju.

Ao fazermos o layout, decidimos anexar o terraço ao dormitório. Essa foi a grande “sacada” (com o perdão do trocadilho), que nos permitiu atender a todos os desejos da nossa cliente. Olha só como ficou o projeto, na imagem e no vídeo com uma animação!

Incrível, né?

Na próxima a gente conta tudo o que foi feito e mostra as fotos da obra, que nem demorou muito. Até lá!

 

              

             

Clique no vídeo para assistir.

QUARTO DESCOLADO – Parte 1: desejo de mudança

Você já parou para pensar se o seu quarto tem a sua cara? Há quanto tempo você não escolhe uma cor diferente de pintura, compra um objeto novo ou muda algum móvel de lugar?

A partir de hoje, vamos mostrar o projeto do quarto da Juliana. Quando era criança, ela dividia o quarto com o seu irmão gêmeo. Vejam só quantos bichinhos de pelúcia!

22-10-2010 008.jpg

Fizemos o apartamento novo da família, comprado na planta, onde cada um ganhou o seu próprio quarto. Quando ficou pronto, a Ju estava com 12 anos. O pink foi a cor predominante, aparecendo nos xales da cortina, no assento da cadeira e nos detalhes da colcha.

Caprichamos no detalhamento de marcenaria, fazendo lambris brancos e nichos com led. Ficou uma graça! Veja as fotos:

foto 1.JPG
foto 2.JPG
foto 3.JPG
 

Hoje a Ju é uma moça linda, cheia de personalidade e com gostos muito diferentes. Claro que, com o passar do tempo, ela deixou de se identificar com o seu quarto antigo.

Na próxima postagem, mostraremos o que essa nossa cliente tão especial nos pediu para fazer no seu quarto novo e como foi o processo da obra de reforma. Não perca!

5 CUIDADOS ANTES DE REFORMAR SUA COZINHA

A cozinha é uma fábrica de sabores e prazeres. Mas, antes de tudo, é um ambiente de trabalho. Por isso, além de linda e inspiradora, deve ser prática e funcional. Diversos fatores devem ser considerados para que o seu sonho não se transforme mais tarde em pesadelo.

Destacamos aqui 5 pontos importantes de um bom projeto. Eles vão te ajudar a planejar e aproveitar melhor esse espaço. Para ilustrar colocamos fotos de uma cozinha que fizemos recentemente.

IMG_4566_(2)-01[1].jpg
IMG_4554_(3)-01[1].jpg

1- BASES DE ALVENARIA – Devem ser executadas antes da colocação do revestimento do piso. Geralmente são revestidas com o mesmo material. Facilitam a limpeza diária e servem de apoio para a marcenaria. É muito importante que sejam menos profundas do que os armários, principalmente na área da cuba, para que no momento da lavagem da louça os pés fiquem bem posicionados em relação ao corpo. Sua coluna vai agradecer!

2- VENTILAÇÃO DOS ELETRODOMÉSTICOS – Fogões, fornos e, também, as geladeiras precisam ventilar, para não superaquecer, causar acidentes graves e até a perda da garantia.  Para o bom funcionamento dos equipamentos embutidos devem ser deixados vãos para ventilação, conforme as indicações de cada produto.  

3- SAÍDA DA COIFA – É bom lembrar que um exaustor, ao contrário de um depurador de ar, trabalha com um duto flexível que deve ser levado até a área externa. Na maioria dos casos, opta-se por escondê-lo acima do forro de gesso, o que proporciona um visual mais limpo. No caso de cozinhas com pé-direito alto e pegada industrial, ele pode ser revestido com aço inox. Fica bem bacana!  Em todas as situações, será necessário existir uma abertura no ponto de saída do duto, com uma grelha, nas medidas indicadas pelo fornecedor.

IMG_4537_(2)-01[1].jpg

4- PONTO DE GÁS – A maioria dos fogões, com exceção dos elétricos, necessita de um ponto de gás. De acordo com a norma, o registro deve ficar deslocado para a esquerda ou para a direita do equipamento e não atrás dele. Recomendamos verificar no projeto a posição exata do fogão e posicionar o registro dentro do armário, de forma que fique escondido, mas com acesso fácil.

5- MARCENARIA – Para aproveitar ao máximo os espaços da sua cozinha, defina com calma o layout e todos os eletrodomésticos antes de partir para o projeto de marcenaria. As medidas desses equipamentos serão importantes para que os nichos fiquem do tamanho certo, sem faltar e nem desperdiçar espaço. Outra dica valiosa é setorizar os armários. Sugerimos colocar as panelas e utensílios de cozinha próximos ao fogão ou cooktop, uma torre para despenseiro e as louças, talheres e copos mais perto da área de refeição.

IMG_4547_(2)-01[1].jpg

COZINHAS: um bom projeto pode transformar a sua vida!

O estilo de vida das pessoas mudou e a arquitetura de interiores precisa acompanhar as novas demandas do cidadão contemporâneo.

Nessa onda de transformações, a cozinha das casas e apartamentos vem ganhando status de área social. A tecnologia, os novos materiais de acabamento e os equipamentos eletrodomésticos com design atraente possibilitam, cada vez mais, a criação de espaços encantadores. Acredite, com um bom projeto a sua cozinha pode se tornar o ambiente mais disputado da casa, inclusive pelos amigos. Para os chefs de plantão é praticamente um parque de diversões. Mesmo para quem não fica à vontade com as panelas, ter uma cozinha bem planejada e organizada facilita muito a execução das tarefas mais simples do dia a dia, economiza tempo e pode até estimular a descoberta de novos prazeres e talentos. Sem falar nos deliciosos encontros promovidos em volta da mesa.

Se animou? Então dá uma olhada nas cozinhas que fizemos e fique ainda mais inspirado:

 

regina 2.jpg
regina 1.jpg

Reformamos completamente essa cozinha de um apartamento antigo. O espaço era generoso, mas a copa ficava separada da cozinha por uma parede. Integramos os dois ambientes e colocamos o cooktop voltado para a mesa de refeições. Assim o chef participa da conversa enquanto prepara os pratos.


008-01.jpeg
028.JPG

Veja que solução criativa: nessa cozinha a adega de vinhos fica oculta atrás de uma porta de correr de vidro opaco, que parece um painel decorativo.

027.JPG

EH-01.jpeg

Na casa de praia também vale a pena investir na cozinha. Esse pode ser um bom motivo para reunir os amigos. Repare que projetamos as portas dos armários com uma grelha de ventilação, para evitar o mofo decorrente da maresia.

LAVABOS: Hoje vamos falar de lavabos, esses ambientes inspiradores, que nós adoramos!

O lavabo é praticamente um cartão de visita, tanto na sua casa, quanto no seu escritório ou consultório. Se for bem produzido, demonstra para os seus convidados e clientes o quanto eles são importantes para você e, por isso, merecem ser recebidos com todo o carinho e atenção (lembre-se que o oposto também é verdadeiro: um lavabo desleixado pode dar a impressão que você não está nem aí para as suas visitas).

O lavabo pode ter um toque de ousadia, por ser um local de uso rápido. A ideia é personalizar e surpreender! Vale investir em um papel de parede bem bacana, com grafismo, estampa ou textura. Se o seu orçamento estiver apertado, um ótimo recurso é pintar as paredes com uma cor forte ou mais escura do que a da sala, que contraste com a bancada.

Outra ferramenta importante que possibilita soluções originais e efeitos incríveis é a iluminação, através da qual podemos valorizar os elementos mais interessantes e criar o clima cênico desejado.

Para se inspirar, veja esses exemplos de lavabos que fizemos recentemente:

 

Para o apartamento de um casal jovem, escolhemos o papel de parede com formas geométricas marcantes, em tons neutros e pequenos pontos de cor laranja para revestir as paredes do lavabo, que ganhou um nicho em marcenaria laqueada de branco, com iluminação embutida de led. Repare nos vasinhos, no tom do detalhe do papel. Um charme!


Dentro de uma proposta mais sóbria, esse lavabo recebeu papel de parede monocromático, com pequenos relevos que criam uma textura diferenciada para as paredes. Optamos pelo tom de azul acinzentado para criar uma atmosfera intimista e contrastar com o travertino romano da cuba esculpida. Sofisticação na medida certa!


Aqui exploramos a microtextura de pedras, com brilho discreto, acentuado pela incidência da iluminação. Prova de que um recurso simples como o papel de parede pode ter um efeito arrasador!


Para quem prioriza a praticidade e não quer ousar no revestimento, o papel de parede vinílico com textura é a solução perfeita! De fácil limpeza, cria um ambiente aconchegante sem pesar o visual. Nesse lavabo, além dos embutidos de led sobre a bancada, criamos um conjunto de arandelas, que proporcionam uma iluminação indireta bastante agradável na área da bacia. Usamos três peças do mesmo modelo, dispostas na vertical, gerando um foco de atenção inusitado para a parede que fica em frente à porta.


126.JPG

Para quem prefere os ambientes clássicos, o mercado também oferece papéis lindíssimos! As listras e os adamascados são aposta certeira. Nesse lavabo, em que a nossa cliente desejava um clima mais dramático, optamos por esse papel com textura de tecido, que reúne a verticalidade das listras com a suntuosidade do adamascado. Um luxo!