LIVING CORAL – Conheça a cor de 2019, seus efeitos e como usá-la na decoração

pantone-colour-of-year-2019-living-coral.jpg
caneca_pantone.jpg

Vamos iniciar 2019 falando de Living Coral, a cor do ano eleita pelos experts do Pantone Color Institute.

Essa é uma escolha bastante séria e que acaba influenciando as decisões das indústrias, incluindo as da moda, movelaria e interiores, design industrial e design gráfico. É realizada há 20 anos, com base em pesquisas e análises de tendências mundiais.

“Living Coral” nos remete à natureza: dos recifes de corais e do pôr do sol. É ao mesmo tempo vibrante e suave, estimula a sociabilidade, a alegria e o otimismo, transmitindo leveza e calor. Essa cor vem de encontro à nossa busca por experiências autênticas e imersivas, que proporcionem conectividade e intimidade, diante da invasão da tecnologia digital em nossas vidas. Representativa do mundo moderno, ela está presente em nosso ambiente natural e também de forma brilhante na mídia social.

edited.jpg

DICAS DE COMO USAR A COR PANTONE 2019

Suburban Canny, Australia - Tribe Studio - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

Suburban Canny, Australia - Tribe Studio - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

1. O lavabo é o espaço da casa que recebe os convidados para uso rápido e por isso permite e merece toques de ousadia. Uma boa opção para criar uma atmosfera de alegria e receptividade é revestir ou pintar todas as paredes com Living Coral.

2. Destacar uma parede com esse tom pode estimular conversas, interação e compartilhamento. Na cozinha americana é um convite para bons papos e bons pratos;

ApartAmentO EM Born, ESPANHA - Colombo and Serboli Architecture - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

ApartAmentO EM Born, ESPANHA - Colombo and Serboli Architecture - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

ApartAmentO À BEIRA MAR NA GRÉCIA - Stamatios Giannikis - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

ApartAmentO À BEIRA MAR NA GRÉCIA - Stamatios Giannikis - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

FONTE: PINTEREST

FONTE: PINTEREST

3. A cor pode ser usada em detalhes, como o fundo de uma prateleira, de um nicho ou em armários suspensos;

apartmentO NA SUÉCIA - Note Design Studio - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

apartmentO NA SUÉCIA - Note Design Studio - FONTE: DEZEEN ARCHITECTURE AND DESIGN MAGAZINE

4. Uma sala de espera pode ficar mais sociável e acolhedora com o uso do coral em alguma peça, como uma poltrona, um tapete, um quadro, uma mesinha ou almofadas;

5. Na sua casa, a cor coral pode estar presente nos tecidos dos estofados, em um móvel laqueado, nas flores e detalhes decorativos;

Brinque com tecidos.png

6. Festas podem ficar bem mais animadas com o uso da cor coral em acessórios decorativos como velas, bandejas, guardanapos, porta-copos, toalhas de mesa e em arranjos de flores naturais.

CONJUNTO DE MESA - HAMILTON HOME

CONJUNTO DE MESA - HAMILTON HOME

CONJUNTO MESA POSTA -ZARA HOME

CONJUNTO MESA POSTA -ZARA HOME

Se você pretende estabelecer conexões reais e virtuais, unir modernidade e natureza, energia e suavidade, entusiasmo e acolhimento, a Living Coral será sua aliada, ajudando a atrair boas energias para esse ano de 2019.

Moodboard Living Coral_e'.png

CURIOSIDADES

O Feng Shui recomenda a utilização da cor Coral no seu tom original, que é o mais escuro e mais forte. Sua indicação é para que seja usada com moderação, aplicada em um ambiente pequeno, em apenas uma parede ou em detalhes.

Essa cor não é indicada para fachadas de imóveis residenciais ou comerciais, quartos de dormir, canto dos relacionamentos e para casais em geral, pois se aproxima das cores salmão e pêssego (principalmente as nuances mais claras, que remetem ao tom da pele), consideradas cores de duplo significado. Seu poder de atração e sua vibração podem captar todo o tipo de energia, atraindo pessoas e situações oportunistas e interesseiras, trapaças e traições, relacionamentos fúteis e não duradouros.

QUARTO DESCOLADO – Parte 4: Ficou pronto!

Para quem acompanhou todo o processo de transformação do quarto da Ju, do início do projeto até o final da execução, chegamos ao momento tão esperado em que o antigo dormitório de criança deu lugar a um novo ambiente, mais adulto e super descolado!

geral.jpeg

Cada detalhe foi pensado com muito carinho para atender às necessidades e expectativas da nossa cliente, que cresceu e se tornou uma jovem antenada, prestes a ingressar na faculdade.

Pensando nisso, escolhemos a escrivaninha a dedo! Adoramos esse modelo, em madeira e couro natural. Além de ser uma peça linda, ela é espaçosa e permite que os momentos de estudo tenham todo o conforto. A Ju amou!

escrivaninha.JPG

Para completar o conjunto, projetamos um gaveteiro com rodízios, na mesma madeira da escrivaninha. Desenhamos os cantos curvos, deixando o móvel mais feminino. Entregamos a responsabilidade de executá-lo ao nosso melhor marceneiro, que caprichou no acabamento. A cereja do bolo são os puxadores de couro e cobre. Ficou incrível!

detalhe escrivaninha.JPG

Desenhamos todo o mobiliário seguindo a mesma linguagem: a mini-cômoda, a cama, o nicho lateral e a estante, que funciona como uma divisória para a área de estudo.

As grandes lâmpadas de filamento são um charme e proporcionam a iluminação tranquila com que a Ju sonhava. Repare no detalhe: elas são ligadas diretamente na tomada e dispensam fiação no teto.

lamp.jpg
painel, luminárias, criado.JPG

E quem disse que arquiteto não aproveita nada? A cadeira giratória era de muito boa qualidade. Nós só trocamos a telinha do encosto, que era branca por preta e estofamos o assento, que ganhou o mesmo tecido de alta performance na cor tangerina das almofadas.

escrivaninha,poltrona.JPG

Por falar em tecidos, nós montamos a cartela com cores quentes, para deixar o ambiente bem aconchegante. Quando a Ju viu a seda rústica colorida... ficou apaixonada! Como é muito especial, o seu valor está acima da média dos outros tecidos. Resolvemos a questão do orçamento comprando a quantidade para fazer apenas uma almofadinha. Foi o suficiente. Ela ganhou destaque na composição, a Ju ficou feliz e o conjunto todo coube no bolso dos pais.

Essa é uma boa dica para quem está decorando e tem orçamento enxuto: monte uma composição geral com itens básicos e invista em detalhes que façam realmente a diferença.

cama.jpg

Reparou na passadeira kilim que garimpamos? Ela tem todas as cores que trabalhamos no projeto e deu o toque final para deixar o quarto ainda mais acolhedor.

Gostou? Lembra de como era o quarto da Ju, que fizemos quando ela ainda era uma criança?

Veja como ele cresceu!

quartos (2).jpg

Nós adoramos os dois, mas cada um reflete o momento de vida da época.

Esperamos que esse projeto sirva de inspiração para que você também faça transformações no seu quarto, sala, varanda, cozinha ou outro ambiente que esteja precisando de uma reforma para ficar com a sua cara atual. Se esse for o seu caso, entre em contato com a gente, que estamos prontos para te ajudar!

QUARTO DESCOLADO – Parte 3: Obra

O nosso projeto foi aprovado pela Ju!  O passo seguinte foi fazer todo o detalhamento executivo, os orçamentos e, então, partimos para a obra!

Retiramos o caixilho que dividia o quarto do terraço, nivelamos o piso que era mais baixo, completamos o assoalho de madeira e refizemos o forro de gesso para que pudesse esconder a viga. Também alteramos o envidraçamento da sacada, aproveitando os vidros existentes e mudando apenas o sentido da última folha. Assim, ainda sobrou um cantinho aberto da varanda para colocar um vaso de planta e manter a ventilação da janela do banheiro.

Contrapiso nivelado para receber o assoalho de madeira: o quarto cresceu!

Contrapiso nivelado para receber o assoalho de madeira: o quarto cresceu!

pintura do novo forro de gesso

pintura do novo forro de gesso

Olha só que ideia bacana: para reforçar o clima despojado, nós revestimos um pilar do antigo terraço com aço cortén. Disfarçamos a diferença de espessura entre ele e a parede e ao mesmo tempo criamos um fundo especial para o criado-mudo. Repare que o dente até valoriza o painel, dando a impressão de que a sua espessura é maior.

colocação da chapa de aço cortén

colocação da chapa de aço cortén

chapa de aço cortén colocada: clima descolado garantido!

chapa de aço cortén colocada: clima descolado garantido!

Para esconder o laminado branco do armário e ampliar visualmente o espaço do quarto revestimos as portas de correr com espelho. O resultado foi um sucesso!

as portas dos armários já com os espelhos

as portas dos armários já com os espelhos

Em seguida, instalamos as luminárias e as peças de marcenaria.

Para completar, aplicamos papel de parede em todo o quarto. A parede da escrivaninha ganhou destaque com o papel vinílico de tijolos aparentes. Um recurso limpo e muito rápido para mudar completamente o visual do ambiente. Parece até real! Mas atenção: como o quarto é um lugar de descanso, para não ficar muito carregado de informação, revestimos as outras paredes com um papel de padrão mais neutro.

marcenaria e luminárias instaladas. nesta parede ainda falta o papel de parede

marcenaria e luminárias instaladas. nesta parede ainda falta o papel de parede

o papel de parede estampado que será usado em uma das paredes: tijolinhos com textura

o papel de parede estampado que será usado em uma das paredes: tijolinhos com textura

Quase tudo pronto! No próximo post, teremos o quarto completo. Não perca!

QUARTO DESCOLADO – Parte 2: Projeto

Continuando a nossa história, hoje vamos contar o que a nossa jovem cliente, agora com 17 anos, nos pediu para fazer em seu novo quarto.

A Ju pesquisou bastante no Pinterest e nos trouxe várias referências que gostaria de incorporar ao projeto. Nada muito certinho e comportado. Ela sonhava com uma iluminação mais fraca e menos convencional (nada de spots brancos embutidos no forro). Também falou que não queria mais a tv, porque não assistia e que não gostava das portas brancas dos armários, “muito sem graça”.

Percebemos que ela se identificava mais com ambientes acolhedores, que revelassem a alma do dono. E foi por aí que nós embarcamos...

Spots embutidos e portas brancas dos armários: "sem graça"...

Spots embutidos e portas brancas dos armários: "sem graça"...

Por último, ela nos pediu (se fosse possível): uma cama maior, uma escrivaninha maior, muito espaço para seus livros e uma poltrona confortável onde pudesse ler.

Colocar tudo isso no seu quarto foi, sem dúvida, o nosso grande desafio, porque ele era bem pequeno! Veja a planta!

           Planta antes do novo projeto e da reforma mais recente.

           Planta antes do novo projeto e da reforma mais recente.

 

Com todas essas informações, elaboramos o conceito para o projeto. Quisemos criar uma atmosfera de loft, bem descolado, com a cara da Ju.

Ao fazermos o layout, decidimos anexar o terraço ao dormitório. Essa foi a grande “sacada” (com o perdão do trocadilho), que nos permitiu atender a todos os desejos da nossa cliente. Olha só como ficou o projeto, na imagem e no vídeo com uma animação!

Incrível, né?

Na próxima a gente conta tudo o que foi feito e mostra as fotos da obra, que nem demorou muito. Até lá!

 

             

             

Clique no vídeo para assistir.

QUARTO DESCOLADO – Parte 1: desejo de mudança

Você já parou para pensar se o seu quarto tem a sua cara? Há quanto tempo você não escolhe uma cor diferente de pintura, compra um objeto novo ou muda algum móvel de lugar?

A partir de hoje, vamos mostrar o projeto do quarto da Juliana. Quando era criança, ela dividia o quarto com o seu irmão gêmeo. Vejam só quantos bichinhos de pelúcia!

22-10-2010 008.jpg

Fizemos o apartamento novo da família, comprado na planta, onde cada um ganhou o seu próprio quarto. Quando ficou pronto, a Ju estava com 12 anos. O pink foi a cor predominante, aparecendo nos xales da cortina, no assento da cadeira e nos detalhes da colcha.

Caprichamos no detalhamento de marcenaria, fazendo lambris brancos e nichos com led. Ficou uma graça! Veja as fotos:

foto 1.JPG
foto 2.JPG
foto 3.JPG
 

Hoje a Ju é uma moça linda, cheia de personalidade e com gostos muito diferentes. Claro que, com o passar do tempo, ela deixou de se identificar com o seu quarto antigo.

Na próxima postagem, mostraremos o que essa nossa cliente tão especial nos pediu para fazer no seu quarto novo e como foi o processo da obra de reforma. Não perca!